DUVIDO


duvido
que você saiba
quem é
o meu sorriso

duvido
que você saiba
quem gira
o meu girassol

duvido
que você saiba
quem mora
dentro de mim

entre
com muito cuidado

vai ser difícil
você conseguir
caminhar
no meio
de tantos mins
e de tantos vocês

(Orlando Vaz Carneiro)