Projeção e Gravidez



Quando a mulher grávida projeta-se para fora do corpo ela não leva o bebê projetado junto. O motivo disso é que quem está grávido é seu corpo físico e não seu corpo espiritual. Não obstante, o psicossoma plasmar automaticamente a aparência da mulher projetada com o ventre dilatado, devido ao condicionamento das formas, ela poderá simplesmente pensar e plasmar sua forma normal, caso saiba concentrar-se adequadamente.

Quando uma mulher grávida projeta-se, poderá ocorrer uma dessas três situações extrafísicas:

1. A mamãe sai do corpo, mas o espírito reencarnante permanece dentro do feto.

2. A mamãe sai do corpo e o espírito reencarnante também (não necessariamente no mesmo momento), mas suas freqüências extrafísicas são diferentes naquele momento e um não percebe o outro, devido a manifestarem-se em planos diferentes.

3. A mamãe sai do corpo e o espírito reencarnante também (não necessariamente no mesmo momento) e os dois encontram-se projetados, podendo interagir um com o outro.

OBS: Quando o espírito reencarnante projeta-se, abrem-se três possibilidades:

A. O espírito apresenta-se com as características e grau de consciência do feto ou de uma criança pequena.

B. O espírito apresenta-se com as características e grau de consciência de um adolescente (às vezes, com o grau de consciência de um adulto, podendo, inclusive, apresentar um grau de consciência até mesmo mais maduro do que o dos pais).

C. O espírito aproveita a liberdade temporária facultada pela projeção e retoma suas características, grau de consciência e aparência anterior a essa reencarnação, seja de vidas anteriores as quais ele esteja muito ligado ou do seu período intermissivo (período entre-vidas, no qual o espírito manifesta-se no plano extrafísico).

Alguns detalhes adicionais:

- O pai também pode encontrar o filho projetado. Esse encontro poderá ser junto com a mãe ou não.

- Muitas vezes, a ligação espiritual é maior com o pai, devido a afinidade oriunda de outras vidas ou do período intermissivo.

- Na verdade, Deus é o maior "Ricardão" que existe, pois enquanto nós pensamos que os filhos são nossos, é Ele que é o Pai verdadeiro. Tudo é Dele!

<<